terça-feira, 30 de março de 2010

Uma canção para meu futuro baby


Por que eu sei que é amor

Composição: Sérgio Britto e Paulo Miklos

Porque eu sei que é amor
Eu não peço nada em troca
Porque eu sei que é amor
Eu não peço nenhuma prova

Mesmo que você não esteja aqui
O amor está aqui
Agora
Mesmo que você tenha que partir
O amor não há de ir
Embora

Eu sei que é pra sempre
Enquanto durar
E eu peço somente
O que eu puder dar

Porque eu sei que é amor
Sei que cada palavra importa
Porque eu sei que é amor
Sei que só há uma resposta

Mesmo sem porquê eu te trago aqui
O amor está aqui
Comigo
Mesmo sem porquê eu te levo assim
O amor está em mim
Mais vivo

Porque eu sei que é amor

segunda-feira, 29 de março de 2010

Sobre CHÁ DE BEBÊ - Idéias

SUGESTÕES DE BRINCADEIRAS

Jogo dos balões (presente)

Material: Balões(tipo jogo da cadeira).Colocamos uma musica e pedimos para elas rodarem os balões, quando a musica parar a que estiver sem o balão na mão sai da brincadeira. Até que sobra uma participante e ganha o presente.

Bebê quer comer

Preparativos: Preparar um desenho de bebê e outro desenho de mamadeira, ambos feitos em isopor

Como brincar: de olhos vendados ela tem que acertar a colocar a mamadeira na boca de neném.

Troca de fralda no escuro.

Preparativos: fralda e boneca

Como anunciar: Você já sabe trocar a fralda? Já tem experiência? Então, queremos ver como você vai se sair no escuro.

Como brincar: Pede para trocar a fralda com olhos vendados.

Quero comer

Preparativos: Uma bacia ou balde com água, 2-3 maças (ou outras frutas do tamanho equivalente) , 1 presente para o ganhador. Outras opções para este jogo: Um prato fundo de mingau com frutas como morango ou pedaços razoavelmente grandes (mas não muito) de outras frutas

Como anunciar: Sabemos que para comer precisamos usar talheres, mas os bebês ignoram isso com freqüência. Experimente o que eles sentem fazendo isso...

Como brincar: Necessário retirar as frutas sem usar as mãos, somente com a boca ou empurrando com nariz. No caso do mingau a pessoa pode comer todas as frutas invés de tirar.

Sobre CHÁ DE BEBÊ - Idéias


Mensagem de texto para lembrancinha:

Texto e agradecimento!

Recadinho da(o)...........

Que bom que você veio ao meu chá se divertir!
Que bom que você fez minha mãe sorrir!
Peço desculpas por dessa comemoração
eu não poder participar...
É que agora estou muito ocupado,
pois tenho que crescer e engordar.
Pelo presente que você trouxe,
gostaria de agradecer pessoalmente.
Sei que minha mãe gostou bastante,
pois posso senti-la muito contente.
Estarei chegando em breve,
falta só mais um pouquinho.
Quando eu nascer, venha me visitar...
E conhecer o meu quartinho.

Pesquisante, Tentante e Gestante


No momento sou PESQUISANTE - estou pesquisando tudo sobre gravidez, filhos, adoro falar sobre o assunto, mas ainda não estou tentando...pretendo começar a tentar ainda ñ sei quando, talvez em junho, daí passarei de pesquisante a TENTANTE, que é a mulher que está tentando engravidar, espero ñ passar muito tempo nessa fase, quero logo ser promovida a GESTANTE, e curtir logo a gravidez, e o nosso baby!

Preparando o Ninho - DICAS E INFORMAÇÕES

Eu estava fuçando na net sobre probabilidades de gêmeos, e achei algo que se encaixa à minha pessoa:

MULHERES QUE CONSOMEM MUITO LEITE
22/5/2006
BBC - Uma dieta rica em produtos lácteos aumenta significativamente a chance de uma mulher gerar gêmeos, segundo uma pesquisa publicada na última edição da revista científica Journal of Reproductive Medicine.

O estudo, conduzido pelo médico Gary Steinman, do Long Island Jewish Medical Center, de Nova York, mostrou que as mulheres que bebem leite regularmente têm cinco vezes mais chances de gerar gêmeos do que as mulheres que não consomem produtos animais.

O número de gêmeos no mundo cresceu significativamente nos últimos 30 anos. Em alguns países, o aumento foi de mais de 50%.

Alguns cientistas sugerem que os tratamentos para infertilidade e a ocorrência de gravidezes tardias poderiam explicar o aumento. Mas esta nova pesquisa indica que a dieta também pode ser um fator.

Proteína

No estudo, a freqüência de gêmeos em mulheres que consumiam uma dieta que incluía leite foi comparada com a freqüência em mulheres que seguiam uma dieta vegan – sem produtos animais.

Acredita-se que uma proteína encontrada nos fígados dos animais pode ser a causa. Chamada Fator de Crescimento do Tipo Insulina (IGF, na sigla em inglês), a proteína é encontrada no leite de vaca e em outros produtos animais.

Nas mulheres, essa proteína tornaria os ovários mais sensíveis e aumentaria o número de óvulos produzidos. Níveis maiores de IGF aumentariam as chances de sobrevivência de um embrião nos estágios iniciais de desenvolvimento.

O efeito seria ainda maior em países como os Estados Unidos, que permitem que hormônios de crescimento sejam dados ao gado.

Steinman diz que as mulheres que planejam ficar grávidas deveriam considerar alternativas à carne e a produtos lácteos para reduzir suas chances de gerar gêmeos, já que uma gravidez múltipla é mais suscetível a complicações.



MULHERES ALTAS
27/9/2006
Estadão - As mulheres altas têm mais chances de dar à luz gêmeos, segundo um estudo realizado por um obstetra especializado em gravidez múltipla e divulgado pela revista científica Journal of Reproductive Medicine.As mulheres altas produzem uma substância similar à insulina, conhecida como IGF, que foi vinculada à gestação de gêmeos, afirma o estudo, realizado pelo obstetra Gary Steinman, do Centro Médico Judeu de Long Island (EUA).Em sua análise, Steinman comparou as alturas de 125 mulheres que tiveram gêmeos e 24 que deram à luz trigêmeos com as das mulheres americanas de estatura mediana, e descobriu que as que deram à luz duas ou mais crianças tinham altura, em média, dois centímetros acima da geral.A IGF é uma proteína que liberada pelo fígado em resposta aos hormônios do crescimento.Esta proteína aumenta a sensibilidade dos ovários aos hormônios que aumentam a ovulação, afirma Steinman, em seu estudo.Em um estudo anterior, Steinman disse que as mulheres que consomem laticínios têm cinco vezes mais chances de dar à luz gêmeos, pois as vacas, assim como os humanos, também produzem a IGF em resposta ao hormônio do crescimento.

Eu sou alta e adooooooro leite! kkkkkkkkkk

Sexo do bebê - Casal de gêmeos?


Acredito que um bebê é um presente de Deus em nossas vidas, e o que Deus nos mandar seja menino ou menina será muito bem vindo!

Mas, sempre tem aquela coisinha de que se pudesse escolher seria isso, ou aquilo...

Bom, eu gostaria muito de engravidar de gêmeos - um casal de gêmeos, seria o máximo, e muito prático também, ñ em relação ao trabalho, que seria em dobro, mas no que se relaciona ao sexo do bebê, um casal de gêmeos já estaria tudo certinho, um menininho e uma menininha, de uma vez só...
Todos dizem que sou doida, mas eu gostaria sim....olha só que sensacional....e o mais engraçado, se isso acontecesse, é que falo pra todo mundo sobre esse desejo, é que ficariam abestalhados, o tanto que eu falei, veio...vai Papito do ceú, manda um casalsinho pra mim...hehehe

Também dizem, que quem tem casos na família, tem mais chances, maaaaaaaaaaaaaaaas, sempre há o primeiro caso, se ñ houver o primeiro caso, como acontecerá, e EU, euzinha aki, posso ser o primeiro caso da família Ventura e Nunes....kkkkkkkkk...vamos esperar pra ver!

Sexo do bebê - Menina?


É uma gracinha uma menininha, né???
Poder colocar um monte de trequinhos pra enfeitar...acho que no fundo, no fundo, eu queria uma menina...ou seria um menino??kkkkkkkkk....casal de gêmeos??? hehehe

Bom, em relação a menina ainda ñ temos a certeza do nome...um nome que falo muito, é Karen, acho que combina com o nome do irmãozinho - Caio...mas ainda ñ achei um nome que combinasse com karen...
Gosto muito de Sara, Alana, Melissa, Ingrid, Sandy (ñ por causa da cantora)...desses o que acho que mais combina é Karen Ingrid...mas ainda tenho que conversar com o pai, pra entramos num acordo!rsrsrs...também gosto de Melissa, coloquei o nome da minha boneca que Val me deu ano passado, lindinha, Melissa Ingridy, e ñ é que adorei esse nome!!!...Fico na dúvida entre Karen e Melissa....

Se for menina, vai ser uma enorme alegria para os avós paternos, pois meus sogros só tem filhos homens, seria a primeira dama da casa, a princesinha..

Será que terei uma menininha????

Sexo do bebê - Menino?


Antigamente sempre dizia que queria menina...mas um dia assiti uma reportagem falando sobre o caso de uma mulher que antes, durante a gravidez, sempre quis engravidar de uma menina, e estava esperando um menino, e durante a gravidez, ela ñ aceitava o fato de estar gerando um menino, e depois do parto, teve depressão pós parto e rejeitou a criança...daí, fiquei com o maior medo sabe....tipo...o psicológico da gente é muito danadinho...traiçoeiro, se deixar, manda na gente, e acaba acontecendo cada coisa...depois dessa reportagem, comecei a pensar mais no fato de ter um baby menino, a ver nomes, e por incrível que pareça é o nome que mais tenho certeza, se for menino se chamará CAIO, e isso todos sabem, me perguntam, quando Caio vai chegar?...kkkkk...acho tão bonitinho, todo mundo falando em Caio, antes mesmo de ele vir ao mundo, pois só existe no nosso coração...quando minha amiga Kennia engravidou na época da faculdade, ela teve um menino, e quando ela estava se decidindo pelo nome, o marido dela pensou em Caio, daí ela disse, Caio já é o nome do menino de Dani, e ele falou - Dani tá grávida???....kkk....ela disse não, é que depois que ela casar e tiver bebê, será Caio se for menino...ele falou, a gente fez o bebê primeiro....hehehe...e daí, veio o Caio César...

Minha mãe acha o nome Caio muito forte, ela diz que é nome de menino danado, teimoso...kkkkkkkk, porque os Caios que ela conhece são impossíveisssssss...hehe

Então, se for menino se chamará CAIO, só ñ sei ainda outro nome complementar, gosto de Caio Henrique, de acordo com a numerologia, é bom, ter as letras H, Q e Z nos nomes...

Preparando o Ninho - SEXO DO BEBÊ (DICAS)

Pesquisando na net olha o que achei sobre a escolha do sexo do bebê!
Confesso que tentarei fazer algumas coisinhas dessas pra tentar uma menininha, mas se vier menininho, erá bem aceito também, é claro...mas, ñ custa nada tentar, né...sempre rola akela curiosidade de que será que isso é verdade, será que dá certo....vamos ver! rsrsrs


Está pensando em fazer um bebê?
Se pudesse escolher o sexo do bebê, você o faria?

Menino ou Menina - Uma escolha quase impossível.
Por Suzana Lakatos

Se pudesse escolher o sexo do bebê, você o faria?

Recentemente, a Revista Crescer realizou essa enquete no seu site, e o resultado não surpreendeu: a maioria absoluta afirmou que gostaria, sim, de determinar o sexo da criança.

Essa expectativa não é estranha a obstetras como o professor Abner Lobão Neto, chefe do Pré-Natal Personalizado da Escola Paulista de Medicina/Unifesp: "Os casais sempre manifestam preferências, mas a maioria se adapta fácil a uma frustração. Só em alguns casos, principalmente de segunda gravidez, a angústia chega a abalar a estabilidade do relacionamento".

Explica-se: com um número menor de filhos, os casais hoje têm menos chances de compor aquele modelo idealizado de família, em que há crianças dos dois sexos. Outra causa é cultural e se acentua entre descendentes de alguns povos - como árabes, judeus e chineses -, que vêem no menino um "continuador" do nome e das tradições da casa. O desejo de escolher o sexo do bebê não é novo. Tanto que não faltam métodos e conselhos sobre como gerar meninos e meninas. Algumas dessas teorias até envolvem princípios científicos, mas mal aplicados. Seus efeitos também variam e, às vezes, chegam a pôr em risco a saúde da mulher e suas chances de concepção.

Confira as "fórmulas" mais conhecidas e veja o que a ciência tem a dizer sobre elas:

1) Casa da Lua

A teoria é que a posição astrológica da Lua no dia da concepção influencia o sexo do bebê. Se ela estiver em signos de Fogo e Ar, há mais chances de gerar um menino. Nos signos de Terra e Água, menina. Para colocá-la em prática, basta saber que a Lua muda de signo a cada três dias e acompanhar seu trajeto por uma tabela lunar (vendida em lojas de artigos esotéricos).

- Avaliação:

Independentemente da posição da Lua, a composição do sêmen é invariável. Entre os cerca de 400 milhões de espermatozóides que participam da "corrida" em direção ao óvulo, 51% são portadores de cromossomos Y e 49% de cromossomos X. Lembrando: o Y determina o sexo masculino e o X, o feminino. Portanto, é o pai quem define o sexo do bebê, e as chances de meninos e meninas são quase iguais. A ligeira vantagem masculina é uma medida da natureza para manter o equilíbrio entre os sexos, já que, embora não se saiba o motivo, os garotos morrem mais no nascimento. Mas consultar a Lua não vai fazer mal nenhum e pode até virar um romântico passatempo para o casal.

2) Dietas

Há duas teorias. A mais recente vem de um estudo da universidade inglesa de Nottingham, cujos pesquisadores, após acompanhar 6 mil mulheres, constataram haver duas vezes mais bebês do sexo feminino entre vegetarianas. Explicaram a diferença pelo aumento natural da acidez vaginal, favorecido pelo alto consumo de vegetais. A outra tese foi criada por obstetras e nutricionistas franceses. Segundo ela, baixos níveis de cálcio e de magnésio e alto consumo de sódio e de potássio causam mudanças de muco favoráveis aos espermatozóides com carga masculina. O contrário favoreceria os de carga feminina. Tais dietas deveriam ser seguidas por seis meses antes da concepção. No prato das aspirantes a um garotinho, então, deveria haver muito pão, frutas e verduras, como banana e alcachofra, e nada de laticínios, frutos do mar, ovos e molhos. Já no cardápio das que desejam uma menininha, proíbem-se sal, pães, embutidos, conservas e bebidas com gases. Ovos, arroz, hortaliças e muito, muito leite e derivados seriam a base de sua alimentação.

- Avaliação:

Para Abner Lobão, é preciso critério ao analisar uma pesquisa. Estudos populacionais para apontar fatores determinantes de sexo devem envolver grandes grupos (cerca de 30 mil pessoas), em diferentes pontos do mundo e com controle estrito do perfil dos integrantes - todos devem ter igual faixa de renda, escolaridade e idade. Ou seja, pela própria amostragem, a pesquisa da Universidade de Nottingham pouco prova. Mesmo porque, em países com predominância de vegetarianos, como a Índia, não há mais mulheres do que homens. Quanto aos cardápios propostos pelos franceses, a crítica é dura. Excessos de sódio e de cálcio podem levar a problemas renais, hipertensão e, num período de seis meses, a comprometimentos nutricionais graves. A falta de potássio, por exemplo, predispõe a cãibras, e a de magnésio altera a concentração de cálcio nos músculos. O mais grave, porém, é a combinação de excesso de sódio e carência de cálcio, que eleva os riscos de uma eclâmpsia na gravidez. Sem falar que o déficit de cálcio pode impedir que o organismo materno forneça esse mineral em quantidade suficiente para a formação óssea do futuro bebê de qualquer sexo.

3) Abstinência

Um estudo de 1998, da Faculdade de Medicina de Baylor, EUA, dizia que a abstinência sexual do homem elevaria a concentração de espermatozóides portadores de Y e, portanto, as chances de gerar um menino. Já relações sexuais diárias favoreceriam a concepção de garotas.

- Avaliação:

O urologista Roger Abdelmassih contraria a tese. Ele foi coordenador de uma pesquisa na Universidade Estadual de Campinas que modificou, mundialmente, o conceito que relacionava abstinência à maior concentração de espermatozóides. Ele explica que o ciclo de formação e maturação de espermatozóides é permanente no homem. E embora a abstinência num primeiro momento propicie um aumento na concentração dessas células, não há predominância de portadores de X ou Y. Na verdade, o único efeito da abstinência é o acúmulo momentâneo de espermatozóides envelhecidos e de baixa vitalidade - o que diminui as chances gerais de gravidez

4) Lavagens

Aposta na diferença de resistência entre espermatozóides portadores de cromossomos X e Y. Os primeiros resistem melhor ao ambiente naturalmente ácido do muco cervical. Assim, para gerar uma menina, bastaria eliminar a "concorrência", acentuando a acidez com lavagens vaginais de duas colheres de vinagre branco diluídas em 1,2 litro de água. Inversamente, quem quisesse um garotinho teria de combater a acidez com lavagens à base de um litro de água e duas colheres de bicarbonato de sódio.

- Avaliação:

Embora atribuído a um obstetra inglês, o método é considerado uma perigosa barbaridade. Em primeiro lugar, lembra o urologista Roger Abdelmassih, o espermatozóide é extremamente frágil e vulnerável a variações de temperatura e de pH, que é a medida de acidez. O mais provável, portanto, é que a tentativa de acidificar o muco cervical inviabilize a gravidez em si, tornando o ambiente hostil a qualquer espermatozóide, seja portador de X ou de Y. Além disso, como explica Abner Lobão, o pH vaginal varia de uma mulher a outra. Portanto, é impossível ter uma receitinha universal para torná-lo ácido ou neutro na medida certa. Outro problema é que as duchas vaginais, pela simples pressão que exercem contra o colo do útero, expõem a mulher a infecções e até lesões nas trompas. Um caso extremo é a chamada salpingite, que pode levar à esterilidade.

5) Data marcada

Baseia-se no fato de que os espermatozóides portadores de cromossomo X são mais pesados, lentos e resistentes do que os portadores de Y. Assim, se o casal mantiver relações um ou dois dias antes da ovulação, é provável que, ao ser liberado do ovário para as trompas, onde ocorre a fecundação, o óvulo encontre ali uma concentração maior de espermatozóides com cromossomo X. Resultado: ponto para as meninas. Já se a relação ocorrer no dia da ovulação ou algumas horas depois, os portadores de Y, mais rápidos, levam vantagem. Seguido à risca e com precisão, o método tem 15% de chances de acerto.

- Avaliação:

"A teoria tem lógica", afirma Abner Lobão. O desafio é detectar o dia exato da ovulação e fazer uma previsão antecipada da data, caso se queira uma menininha. Sem falar que as próprias chances de gravidez diminuem nesse caso, já que a maioria dos espermatozóides "morre" em poucas horas. Para o urologista e especialista em reprodução humana Roger Abdelmassih, o controle da ovulação pode ser feito com a assessoria de um especialista. Bastaria um acompanhamento por ultra-som e o uso de medicamentos para programar a liberação do óvulo.

6) Posição sexual

Mais uma que vem da Inglaterra: a posição em que o casal mantém a relação sexual no dia da concepção favoreceria um dos sexos. A penetração por trás, supostamente, permitiria a deposição do sêmen na entrada do útero, diminuindo o trajeto no "hostil" muco cervical e favorecendo os espermatozóides mais rápidos. Ou seja, melhor para "eles". Já o clássico papai-e-mamãe tenderia à geração de meninas.

- Avaliação:

Segundo Abner Lobão, a posição sexual tem uma pequena influência apenas em relação às chances gerais de concepção. É mais fácil engravidar - de qualquer sexo - quando o sêmen fica um tempo maior em contato com o útero. Quer dizer, um casal que só mantenha relações sexuais em pé tem menos chances de conceber do que outro em que a mulher permaneça deitada algum tempo após a ejaculação. Além disso, como explica Roger Abdelmassih, as diferenças de resistência e velocidade entre os espermatozóides portadores de X e Y, isoladamente, são insignificantes diante dos muitos fatores que influenciam o resultado dessa "corrida" pela vida.

Fonte: Revista Crescer.

http://www.kadu.com.br/node/1151

Preparando o Ninho - DICAS E INFORMAÇÕES

Achei na net:

Cuidados para a vida

Uma das principais formas da mulher manter a saúde ginecológica e garantir tranqüilidade para gerar bebê é tomar algumas precauções ao longo de toda sua vida sexual. Na verdade, essas são regras para todas as mulheres, mesmo as que não têm intenção de engravidar. Segundo os médicos, uma das recomendações mais importante é prevenir infecções sexualmente transmissíveis, como a clamídia e a gonorréia. Elas podem causar danos irreversíveis, como a infertilidade, se não diagnosticadas rapidamente. A endometriose, os cistos localizados na região pélvica e os miomas também são problemas que devem ser acompanhados de perto, pois podem causar complicações futuras, como a esterilidade.

O sedentarismo e a falta de cuidados com a alimentação também são fatores que podem comprometer não só as possibilidades de gravidez, mas a qualidade de vida da mulher. Se estiverem acima do peso, elas podem ter mais dificuldades para engravidar e estarão mais suscetíveis a complicações, como a diabetes gestacional e dificuldades no parto. “É importante ressaltar que se a mulher não está habituada a fazer exercícios, não é durante a gravidez que ela deve
adquirir esse hábito”, lembra Denise. Por isso, estabelecer um ritmo estável de atividades físicas antes de esperar um bebê é tão importante.

Quanto à alimentação, é interessante manter os níveis de ácido fólico em dia ingerindo vegetais, frutas e grãos diversificados. O ácido fólico é responsável pelo desenvolvimento da placenta e formação adequada do feto. Também é importante investir em alimentos antioxidantes, como cereais integrais e hortaliças, que auxiliam a regular o funcionamento do organismo.

O consumo de álcool, cigarros e drogas deve ser abolido o quanto antes. “É comum a mulher não conseguir largar o vício assim que descobre a gravidez, mas fundamental que o faça. As que fumam, por exemplo, precisam reduzir o cigarro drasticamente, além de evitar as tragadas”. Segundo a médica, o cigarro acarreta riscos de aborto e de retardo no desenvolvimento do feto. As possibilidades de a gestante ter um parto prematuro também aumentam. Já o álcool e as drogas podem interferir na formação fetal, especialmente se ingeridas nas primeiras semanas de gravidez.


http://www.alobebe.com.br/site/revista/reportagem.asp?texto=437

Vanessa di Carli
Publicação: Junho 2008 - Edição: 31

O motivo de adiar por esse tempo a realização do sonho...


No dia 05 de novembro de 2008, meu pai teve um AVC, ficou internado por uma semana e eu com ele no hospital....foi um momento muito difícil pra mim, fiquei por uma semana todos os dias, 24 horas no hospital com meu pai, sem dormir, sem se alimentar direito, foi a maior barra...cansativo e triste...
Mas, graças a Deus que meu painho está consciente, mas infelizmente o lado esquerdo dele está paralizado, não move perna nem braço, está acamado, não senta, nem anda...ele faz fisioterapia, mas o processo é muuuuito lento!
Duarante esse tempo, eu e meu marido pegávamos meu pai, eu dava banho...minha coluna, minhas costas estão muito doloridas....minha coluna dói todos os dias...sempre ficava imaginando como é que eu iria fazer se um dia chegasse engravidar, é tão difícil encontrar alguém que cuide de idosos, e sempre hesitei em engravidar por causa do peso que pego ao colocá-lo no colo, ñ seria possível eu estando grávida, cuidar dele do jeito que eu faço, ou melhor, fazia....porque nesse fim de semana, colocamos painho de uma forma diferente na cadeira, eu praticamente ñ faço nenhum esforço, dou banho tranquilamente e colocamos ele de uma forma mais independente na cama de novo, fiquei muito feliz com a possibilidade de poder engravidar sem prejudicar meu pai e a mim mesma, na gravidez!
O interessante é que eu lembrei agora, que na terça feira passada, uma mulher me perguntou quando eu teria bebê, e daí expliquei tudo, daí ela falou bem diretamente - vc vai esperar Deus levar seu pai pra poder engravidar?....ele ñ vai ter o prazer de ver o netinho?...aquilo tocou tanto em mim....fiquei realmente triste, porque é a verdade, mas Deus é tão fiel e maravilhosos, que sábado me revelou uma forma de que esse sonho é possível sim!
Agora, o problema de saúde do meu pai em relação ao que interferiria na minha gravidez, está praticamente solucionado, falta ainda nós estabailizarmos as contas, o lado financeiro, principalmente euzinha, ñ quero ficar indo nas lojas, e chupando dedo por ñ conseguir comprar as coisinhas mimoas pro meu bebê....portanto, o próximo passo é se estabilizar financeiramente pra poder realizar o sonho da maternidade! rsrsrs

Beijos carinhosos*

domingo, 28 de março de 2010

Diário da Nossa Gravidez


Olá!
Sejam Bem vindos ao meu blog sobre nossa gravidez!
Não estou grávida ainda, pretendo realizar esse sonho em breve, mas sou fascinada pelo mundo das grávidas, amo bebês, e sou louca pra ser mamãe, apesar de rolar uma certa insegurança, um medo....mas o sonho de ter um bebê é muito grande, profundo e verdadeiro, que está dentro de nossos corações!
Sou casada com o Val, há dois anos, casamos no dia 29 de dezembro de 2007....um sonho, e agora pretendemos engravidar...esse sonho ñ é de agora não, mas diversas coisas aconteceram, e só agora, Deus mnos mostrou uma luz, que é possível, ou que é ahora....acho que Deus quer dizer isso pra gente, principalmente pra mim...mas adiante irei explicar melhor sobre isso que tô falando....

Quero fazer desse blog, um diário da minha gravidez, do meu dia a dia, do planejamento, de tudo o que rolar duirante esse período, um diário pra registrar esse sonho...

Abaixo estão os outros blogs que tenho, mas não continuo a postar neles (por preguiça, desmotivação)...daniventurablog.blogspot.com - casamentodedanieval.blogspot.com - borboletadani.blogspot.com

Beijos carinhosos*